fbpx

Quais os alimentos recomendados após a extração do siso?

porque devemos tirar o dente do siso
5 minutos para ler

Você sabe quando é necessário extrair o siso? Muitas pessoas precisam desse procedimento, mas nem todas entendem por que devemos tirar o dente do siso e o que acontece se isso não for feito. Pensando nisso, preparamos este artigo.

Apesar de simples, o procedimento gera medo em algumas pessoas, principalmente pela possibilidade de sentir dor. Mas, sendo realizado por um cirurgião-dentista experiente, com anestesia e adotando os cuidados pós-operatórios, a recuperação segue sem complicações.

Quer saber mais sobre esse assunto? Então continue lendo para entender por que é preciso extrair o siso, quem precisa desse procedimento e quais são os cuidados para evitar desconfortos e complicações, garantindo a boa recuperação dos tecidos!

Quando extrair o siso é necessário?

O corpo passa por muitas mudanças durante o crescimento, mas uma delas pode trazer problemas: o nascimento dos sisos. Esse evento costuma gerar dores e mal estar, mas, caso esses dentes estejam mal posicionados, é necessário retirá-los.

Para entender por que devemos tirar o dente do siso devemos saber que nem todas as pessoas podem mantê-los na boca. Em algumas, conforme explicamos, ele está mal posicionado e não consegue nascer, ou empurra os demais dentes.

Isso também acontece quando o paciente não tem espaço suficiente na boca para que o siso cresça. Se a arcada for pequena, esses últimos dentes tendem a ficar presos no osso alveolar ou nascem em direção ao ao dente vizinho.

É verdade que há pacientes que não têm problemas com esses molares. Por isso, somente um cirurgião-dentista pode dizer quando extrair o siso é de fato necessário. Afinal, essa medida é adotada apenas se eles trouxerem risco de prejuízos para o indivíduo e sua saúde bucal.

Quais são os principais cuidados depois de extrair o siso?

Agora que você já sabe por que devemos tirar o dente do siso, é hora de conhecer os cuidados após a extração dele. Embora esse procedimento não seja muito complexo, trata-se de uma cirurgia e, como tal, precisa de um pós-operatório bem cuidado.

Cada caso é diferente e apresenta complexidades distintas, o que também exige cuidados diferentes. Entretanto, algumas recomendações são comuns para todos os pacientes. Elas ajudam a garantir uma boa recuperação dos tecidos e evitam dores, sangramentos, inflamações e infecções. Confira a seguir quais são indispensáveis.

  • Manter repouso nas primeiras 24 horas.
  • Aplicar gelo na face para minimizar o inchaço.
  • Evitar se expor ao Sol.
  • Falar o menos possível.
  • Evitar movimentos com a boca.
  • Abster-se do cigarro e bebidas alcoólicas.
  • Realizar uma boa higiene bucal.
  • Evitar bochechos e movimentos de sucção.
  • Não tocar o local operado.
  • Administrar corretamente os medicamentos, se receitados.

Outro fator que requer muita atenção no pós-operatório do siso é a alimentação. Não se pode comer de tudo, tanto por causa da gengiva que ainda está se recuperando quanto pela possibilidade de romper os pontos. Para ajudar, preparamos uma lista de alimentos permitidos no cardápio. Veja!

Sopas

Gostosas e simples, são o prato mais recomendado no pós-operatório. Você pode variar e experimentar sabores diferentes. Além de fáceis de ingerir, quando feitas com legumes e carnes magras oferecem nutrientes que ajudam na recuperação.

Mas tenha cuidado! Altas temperaturas podem causar complicações, como dores e sangramentos no local operado. Por isso, o ideal é esperar a sopa ficar morna antes de se alimentar.

Sorvete

Essa é a recomendação favorita dos pacientes! Além de delicioso, o sorvete é ótimo para desinchar a gengiva. Isso em função da baixa temperatura que ajuda a minimizar processos inflamatórios, contraindo os vasos sanguíneos.

No entanto, lembre-se de que o sorvete contém açúcar, então, após a ingestão é preciso fazer a higiene bucal para não formar a placa bacteriana. Converse com seu dentista para que ele recomende o modo correto de higienizar sua boca nessa fase.

Sucos e vitaminas naturais

Quando extrair o siso você poderá se alimentar com sucos e vitaminas naturais. Eles são muito nutritivos e uma ótima opção nesse processo de recuperação. Assim como o sorvete, reduzem o inchaço e aliviam a dor.

Procure variar as receitas misturando frutas e ingredientes. Além de experimentar sabores diversificados, você estará ingerindo vitaminas e minerais que, assim como no caso das sopas, contribuirão com sua recuperação.

Legumes

Os legumes são ideais para retomar o consumo de alimentos sólidos depois dos primeiros dias do pós-operatório. Prepare-os bem cozidos para que possa amassá-los, a fim de não mastigar. Assim, não há o risco de ferir a gengiva, que ainda está sensível. Para não ficar no mais do mesmo, varie e misture os legumes para ter novos sabores.

Entendeu quando e por que devemos tirar o dente do siso? Se você precisar desse procedimento, escolha um cirurgião dentista experiente, adote os cuidados pós-operatórios e faça uma boa higiene bucal, pois a boca limpa colabora para uma recuperação rápida e sem complicações!

Quer saber se está tudo com os seus sisos? Entre em contato conosco para agendar uma avaliação e descobrir como está a sua saúde bucal.

Você também pode gostar

Um comentário em “Quais os alimentos recomendados após a extração do siso?

Deixe um comentário

Fale conosco
Enviar